#OpAntiAI-5

AI-5 da Copa

A  operação surge como resposta ao processo de endurecimento por parte dos  estados e do governo federal frente a todo tipo de manifestação e  protesto, aumentando a passos largos o nível de violência e repressão.

Somado  a esse processo de endurecimento, surge a PL 728/2011, apelidada por  ativistas como o “AI-5 da Copa” que, entre outras coisas, proibirá  manifestações de qualquer tipo durante a copa e classifica muitos atos  de manifestação como “terrorismo”, com demonstrado nesse trecho:

“O  projeto prevê ainda que quem “cometer crimes contra a integridade  da  delegação, árbitros, voluntários ou autoridades públicas esportivas  com  o fim de intimidar ou influenciar o resultado da partida de futebol   poderá pegar entre dois e cinco anos de prisão”.

Para  quem “violar, bloquear ou dificultar o acesso a páginas da  internet,  sistema de informática ou banco de dados utilizado pela  organização dos  eventos” a pena seria de um a quatro anos de prisão,  além de multa. E  para deixar a aplicação das penas ainda mais eficaz, o  projeto prevê a  instauração de um “incidente de celeridade processual”  (art. 15), um  regime de urgência em que a comunicação do delito poderia  se dar por  mensagem eletrônica ou ligação telefônica e funcionaria  também nos  finais de semana e feriados.”

Avaliamos  esse projeto de lei como uma forma prática de evitar que protestos  apareçam durante a copa, principalmente porque seria natural que isto  ocorresse, uma vez que a copa é um projeto de gastos bilionários e pouco  beneficiará o povão. Esta Lei será mais uma medida que faz parte de um  processo cada vez maior de cassação dos direitos e liberdades do povo,  afim de evitar revoltas populares contra as desigualdades cada vez  maiores em nosso país.

O  foco dessa operação é de articulação entre o máximo possível de grupos  ativistas que seriam direta ou indiretamente atingidos por essa lei que,  apesar de ter o caráter transitório (data para começar e acabar), pode,  atravéz de voto parlamentar SECRETO, tornar-se permanente

O PL AI-5 é criado pelos senadores, Marcelo Crivella (PRB-RJ), Ana Amélia (PP-RS) e Walter Pinheiro (PTB-BA).

http://apublica.org/2012/02/pl-quer-punir-terroristas-grevistas-na-copa/

União dos Canais RC: The PirateBayBR, Anon Union Group, AnonBR

@SataniaArjuna

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s